Medalha Zero, novo projeto nacional de HQ do autor Rogerio Ferraz, encerra seu primeiro arco com grande estilo.

Lançado na CCXP de 2021 com a ajuda de financiamento coletivo, Medalha Zero, HQ nacional criada pelo quadrinista Rogerio Ferraz, chegou a sua terceira edição fechando o primeiro arco das aventuras do Garra e da Pandora com um futuro promissor. Além da 4ª edição que já começou a ser criada, um teaser em desenho animado foi feito para divulgar o projeto (link do teaser: https://www.youtube.com/watch?v=6KX9CBUOhg0), um jogo de videogame está sendo desenvolvido e também foi fechada uma parceria internacional com um grupo de quadrinistas independentes chamado The Expanse.



Sobre a série Medalha Zero:


Criado em 1994, quando o autor tinha apenas 14 anos, Medalha Zero conta a história do Garra, um ser criado em laboratório alienígena com DNA de tigre e de humano, que tenta descobrir como manifestar o poder máximo escondido em sua medalha. Porém, as coisas mudam quando ele conhece e se apaixona por Pandora, uma jovem policial em São Paulo que procura seu irmão desaparecido misteriosamente. “No meio de todas aquelas histórias de heróis e vilões que me fascinavam, dei de cara com uma decepção amorosa, ainda na infância ou no que chamam de pré-adolescência, o que me motivou a incluir no roteiro essa sensação que mal sei explicar e que caracteriza esse lado humano do Garra”, conta Rogerio.

Apesar de ser uma série de ação constante e lutas épicas com estilo retrô dos anos 80 e 90, Medalha Zero conta com a presença de uma personagem feminina forte e ativa na história sem aquele velho estereótipo de princesa frágil que precisa ser salva pelo herói. A ambientação em São Paulo não só cria um vínculo mais forte com o público paulistano mas também mostrará ao resto do mundo que está acostumado a ver invasões alienígenas apenas em Nova Iorque que o Brasil também conta com uma grande metrópole cheia de diversidade cultural e possibilidades infinitas.



Sobre a The Expanse:


The Expanse é um novo universo compartilhado onde 10 criadores de quadrinhos independentes ao redor do mundo deixaram seu ego de lado para trazer não só um simples crossover, mas sim uma nova série que irá mostrar esse novo universo que todos os autores estão criando juntos, como um time.



Sobre o autor:


O que você quer ser quando crescer? Aposto que em algum momento da sua vida você já pensou nisso, né? A resposta do Rogerio, autor do Medalha Zero, sempre foi a mesma: Quero ser desenhista!

Antes mesmo de ser alfabetizado na escola, o brasileiro Rogerio Ferraz da Silva (42), natural de São Paulo (SP), conta ter sido apresentado às histórias em quadrinhos pelos conhecidos personagens de Maurício de Souza. De lá para cá, mais de 30 anos se passaram, outras referências foram marcadas na memória, de Tartarugas Ninja a Cavaleiros do Zodíaco, e o sonho de ser desenhista e autor de suas próprias aventuras acabou se tornando realidade. “Trabalhei até num filme da Disney”, conta empolgado. A sequência fazia parte do “A Princesa e o Sapo” e hoje, há dez anos na TV Pinguim, vê crianças de olhos bem abertos quando conta que trabalha nas animações “O Show da Luna” e “Peixonauta”, entre outras.

"Peixonauta - O Filme" ganhou o prêmio de melhor longa-metragem de animação no 18º Grande Prêmio do Cinema Brasileiro e foi eleito como "Melhor Filme" no Prêmio de Cinema FIESP/SESI-SP.

A Princesa e o Sapo da Disney teve 3 indicações ao Oscar em 2010 sendo uma como melhor filme de animação e as outras duas de melhor canção original.


Mais informações você acompanha no blog do autor (http://rogerioferraz.blogspot.com/), no site oficial do projeto (http://www.medalhazero.com/) e nas redes sociais facebook (https://www.facebook.com/medalhazero) e Instagram (https://www.instagram.com/medalhazero/).

  

Medalha Zero, novo projeto nacional de HQ do autor Rogerio Ferraz, encerra seu primeiro arco com grande estilo. Medalha Zero, novo projeto nacional de HQ do autor Rogerio Ferraz, encerra seu primeiro arco com grande estilo. Reviewed by Tom Dutra on 18:27 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.