Um ferro velho, uma TV de 20 anos e uma linda história: Golden Time na Netflix

Minha amiga Krishna do site Cultura com Essência me recomendou uma linda animação japonesa que está disponível na Netflix, e agora compartilho com vocês porque é simplesmente adorável o curta-metragem “Golden Time”!

A produção é de 2013, dirigida por Inaba Takuya do Robot Communications Inc., estúdio que produziu “Tsumiki no ie” ou, como ficou conhecido internacionalmente, “La Maison en Petits Cubes”, vencedor do Oscar de melhor curta de animação em 2008.



A animação “Golden Time” se passa nos anos 80, quando um aparelho de TV de 20 anos é descartado em um ferro velho e se recusa a aceitar esse destino. Lá ele encontra outros aparelhos descartados que parecem enxergar as coisas de outra forma, em especial um amável animal de brinquedo que necessita de corda para funcionar e não tira os olhos do novo “morador” do ferro velho. 

Com traços suaves e expressões bem simpáticas, os divertidos personagens fazem parte de uma história melancólica e sensível que nos mostra a dificuldade de aceitar a passagem do tempo, assim como a sociedade muda completamente conosco quando já não podemos mais oferecer aquilo que esperam de nós. O lado bom é que existem as exceções, que conseguem enxergar além do óbvio, e isso é mostrado no desenho de forma muito poética. Não percam a cena pós crédito, tem uma mensagem sensacional!

Reservem 21 minutos de seu dia para apreciar essa animação com gostinho de infância! Ah, sim, e por falar nisso, ela me lembrou muito os desenhos que eu via no programa "Glub Glub" quando criança! Espero que ela traga boas lembranças pra você também!

Golden Time

Onde assistir: Netflix
Ano: 2013
Duração: 21 min
Classificação: Livre
Gênero: Animação; Fantasia; Infantil
Um ferro velho, uma TV de 20 anos e uma linda história: Golden Time na Netflix Um ferro velho, uma TV de 20 anos e uma linda história: Golden Time na Netflix Reviewed by tomdutradicas on 20:40 Rating: 5

2 comentários:

  1. Tom muito bom, eu sabia que você ia gostar! É lindinho demais. Na medida que o tempo passa muita coisa vai ficando no esquecimento. Objetos que fizeram parte de nossas vidas de uma forma inesquecível. Espero que a nossa amizade jamais seja esquecida em um ferro velho kkkkk!

    ResponderExcluir
  2. Ah, no que depender de mim, jamais, Krish! Você é uma amiga muito querida, desejo muito sucesso para você e o Cultura com Essência! Obrigado pela indicação!

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.